Skip to Content

Resultados da busca por tag:  familia

24
dez

OBJETERIA FELIZ NATAL

E hoje estamos aqui para desejar que sua casa seja um lar de verdade não somente nesta noite, que permaneça assim sempre!

Que tudo que envolve verdadeiramente o Natal invada seu lar e sua família!

O momento é mágico! Abrace, beije, sorria, dê gargalhadas, agradeça, divirta-se, perdoe, alimente o corpo e a alma de muitas coisas boas!

 

E lembre-se sempre, o mundo fica mais bonito quando se carrega coisas boas no peito!

 

Que todos, juntos, façamos um Natal incrível!

 

Beijos com carinho, Lu e Cida

27
nov

Slide1

Cheias de graça, beleza e magia, são um dos símbolos mais representativos  do Natal.  Quem nunca teve ou desejou ter uma? É certo que as clássicas são lindas. Um pinheiro (verde), bolas vermelhas, ou prateadas, uma ponteira.  Cheias de significado, desejos e sonhos, acomodam sob seus pés pacotes, pacotinhos e pacotões. Mas hoje vim aqui para falar da beleza não tradicional que invade as casas nesta época do ano.

As árvores brasileiras estão cada vez mais em alta. Mas o que seria isso? Simples! Não vou nem precisar exolicar, tenho certeza que ficará claro daqui em diante.

Que tal uma formada por pinhas semi-abertas, num único tom, o marrom das  pinhas, ou o clássico pinheiro  enfeitado com juta.

Slide2

Lindas as recicláveis, originais, singulares. Lembre-se não existem regras na hora de criar. Ou melhor, há a seguinte: crie a sua árvore de natal, dê a sua interpretação para a árvore de natal, sobre o que é natal para você. O que é este mural triangular? Coisa mais amada! Formato que remete ao da árvore. Você pode apoiá-lo em quaquer lugar, e colocar bilhetinhos natalinos e até mesmo fazer a contagem regressiva dos dias.

(mais…)

26
nov

Slide1

Tudo bem  que um pinheiro grande cheio de bolas e muitos enfeites fica lindo. Mas pequenos detalhes, cheios de encantos, feitos à mão, ou montados com objetos  comuns, enfeitam e nos fazem  bem.

Slide2

Ideias  simples, para decorar a casa, para envolver quem gosta de por a mão na massa, para mimar a família, para ir construindo o espírito natalino, dia a dia, passo a passo…

(mais…)

27
ago

A história de que ela tem que ser fechada, neutra, basicamente funcional,  com armários cheios de portas  e sem objetos decorativos ficou para trás. Nos novos  modelos  de cozinha, muitas abertas para as salas, integradas a estas,  cabe de tudo.

OBJETERIA-SALA-COZINHA-02

Cabe cozinhar, conversar,  receber, apreciar uma boa bebida, uma boa comida, relaxar, aprender brincando, etc. O objetivo primordial  é  os moradores curtirem ao máximo  os prazeres que uma cozinha e uma boa comida é capaz de propiciar.

OBJETERIA-SALA-COZINHA-04

Sejam  vestidas de cores alegres ou neutras, materiais práticos, materiais rústico,  agraciadas com mesas ou bancadas, armários ou prateleiras, tradicional com pitadas atuais, com jeito de bistrô, objetos à mão e à mostra ou bem acomodados em armários, generosas, elas convidam a refeições com afeto  e troca.

OBJETERIA-SALA-COZINHA-05

OBJETERIA-SALA-COZINHA-03

Cabe refeição com cor e alegria, o chef no centro das atenções e interagindo com todos ao redor,  espaço mais amplo para receber, cozinhar e boa conversa, festas que terminam na cozinha, família em torno do fogão, etc.

OBJETERIA-SALA-COZINHA-06 OBJETERIA-SALA-COZINHA-07

11
jul

O álbum de família, não o material, o da memória, me fez entender os caminhos que me levaram à criação do Saboreando Floripa, meu blog sobre experiências gastronômicas. Minha mãe sempre foi uma exímia cozinheira, mas do tipo que não segue receitas, gosta mesmo é de abrir o armário e geladeira e criar pratos incríveis com o que tem em casa. Lembro-me de desde muito nova estar agarrada à barra da saia de minha mãe na cozinha enquanto assistia as suas manobras com as panelas. Em minha casa, ter refeições em família é valorizado e eu acho lindo. Além disso, meu pai sempre gostou de nos levar para grandes passeios em busca de sabores. Acho que tomei gosto.

Sendo nostálgica…

Havia um livro empoeirado, esquecido no armário em uma prateleira – que para eu alcançar era preciso um banquinho e ainda utilizar as pontinhas dos pés -, muito bem ilustrado, todo de receitas de sobremesas. Incontáveis foram as vezes em que eu em meus bravos 6 anos de idade, folheei todas as páginas, uma por uma. Depois, lá pelos 9 anos, se me perguntassem qual era o meu programa de televisão favorito, diria: “TV UD” do Shoptime, apresentado por Viviane Romanelli. O programa se passava em uma cozinha onde Viviane executava receitas com o intuito de vender os produtos Shoptime, é claro, não um programa de culinária propriamente dito, mas eu adorava e meu sonho de consumo era nada mais nada menos que uma máquina de waffle.

Em outubro de 2011 criei o Saboreando Floripa. Acho que foi uma saída de manter viva a faculdade de Jornalismo que iniciei e depois abri mão para me dedicar a outro curso, sei lá. Não tinha pretensão, apenas escrevia. O estralo foi quando jantei com amigas e fomos extremamente mal atendidas em um restaurante de Florianópolis e senti a necessidade de compartilhar experiência tão frustrante. Foi quando percebi em meus arquivos a quantidade de fotos que eu batia de pratos experimentados e que meus caderninhos de anotações de restaurantes que havia ido outrora poderiam ser compartilhados. Assim surgiu o Saboreando Floripa – Experiências Gastronômicas.

O blog cresceu e hoje já não sustenta apenas posts sobre cafés, bares e restaurantes de Florianópolis, mas também de outras cidades, Estados e países, receitas e até dicas de decoração de mesa, algo que adoro. As publicações no Saboreando são confeccionadas a partir de opiniões pessoais de uma pessoa comum que adora conhecer lugares novos, viajar e principalmente comer, portanto não esperem por palavras marcantes de um crítico gastronômico, não mesmo. Bom, espero que gostem e, ó, o que posso afirmar é que vem coisas boas por aí!

Simple-On-The-Beach (8)Tempurá-SãoPaulo

Cozinha-MolecularDecor-românticaSaboreando-na-Grécia

Saboreando-na-Turquia

Waffle-PuntaDelEste

Para ficar por dentro de todas as dicas do Saboreando Floripa clique aqui